Veja porque conhecer seu público alvo pode levar seu negócio a um novo nível!

Veja porque conhecer seu público alvo pode levar seu negócio a um novo nível!


Olá pessoa! Tudo em paz? 😀

Se eu te perguntar quem é seu público-alvo, o que ele procura, quais as suas necessidades, interesses, dores e desejos, você saberá me responder? A grande maioria dos Profissionais e Microempresários infelizmente não tem essa resposta.

“E qual o problema?”. Bom, isso atrapalha uma boa parte do planejamento de vendas, afinal, se você não conhece quem vai comprar, como pode fazer uma oferta adequada?

Pensando nisso, hoje vamos debater sobre as vantagens de conhecer seu público-alvo, e como este simples fato pode levar seu negócio a um novo nível.

Quer aprender? Então acompanha as dicas…

 

O que é público-alvo?


 

Este termo também costuma ser conhecido por Target ou Prospect, que são usados para definir um grupo de pessoas que demonstra interesse pelo que você oferece (não são necessariamente pessoas que querem comprar de você).

Esse grupo de pessoas normalmente apresenta características em comum, como: interesses, hábitos de consumo, idade, gênero, profissão, poder aquisitivo… E é nestas pessoas que você deve focar sua comunicação.

“Mas e todo o restante das pessoas? Vou perder clientes?”.

Não! O seu público-alvo engloba todos os possíveis interessados no seu conteúdo. As demais pessoas são apenas curiosos e gente que não dá a mínima – logo, não são clientes.

Não dá pra vender o mesmo produto/serviço para todo mundo, concorda? Então foque no seu público e esqueça os demais!

Seria o mesmo que trabalhar no nicho de emagrecimento, mas fazer oferta para quem busca ganhar peso: Ninguém se interessaria!

Pense: Quem são as pessoas interessadas no que você tem a oferecer? Quem se identifica com sua marca? Quem curte seus conteúdos? Quem são seus clientes atuais?

Acompanhar métricas ajuda bastante na identificação do seu público-alvo, pois elas costumam mostrar dados mais precisos sobre as pessoas que estão interagindo com você.

Facebook, Instagram, YouTube, e Google Analytics costumam mostrar métricas relacionadas ao engajamento do público. Se você possui algum destes canais, aproveite-os! (Aliás, falei sobre métricas do Instagram nesse artigo: Perfil do Instagram).

 

Por que é importante conhecer meu público-alvo?


 

O sucesso do seu negócio depende de saber levar a oferta perfeita ao cliente ideal. Se o cliente for ideal, mas a oferta for ruim, ele não compra. Se a oferta for excelente, mas o público for errado, também não há vendas.

Percebe que precisa haver uma combinação aqui?

Todo o planejamento do seu negócio deve ser feito em torno do seu público-alvo: por ele e para ele. Logo, você precisa conhecê-lo primeiro.

São essas pessoas que comprarão seu produto/serviço, te dando lucro!

Quanto mais informações sobre elas você tiver, maiores são as chances de que você consiga se relacionar bem com elas, e atraí-las.

Ao invés de perder tempo fazendo ofertas, promoções, e anúncios vazios, ao conhecer seu público você sabe exatamente o que vai chamar a atenção dele, e despertar o interesse e desejo de compra.

Sua comunicação passa a ser assertiva, e isso te ajuda a economizar (e lucrar) muito mais dinheiro!

 

Como você pode conhecer seu público-alvo?


 

Algumas pessoas fazem uma média das características do seu público, e criam um personagem (que chamamos de persona). É uma pessoa imaginária, criada com características que representam o público total.

Você não precisa necessariamente criar uma persona, mas precisa saber exatamente quais as dores, desejos, necessidades, sonhos, objetivos, e demais informações que envolvam esses interessados.

Essa tarefa pode se tornar um pouco complicada se você não faz nem ideia de quem são seus prospects – mas não é impossível!

Algumas dicas são:

 

  • Use as redes sociais para interagir com seu público. Observe o que dá mais engajamento, que outros perfis e páginas eles curtem, o que costumam comentar, debater;
  • Procure por fóruns de discussão na área relacionada, bem como grupos e comunidades. Normalmente as pessoas expõem suas dúvidas e desejos nesses ambientes;
  • Sites para fazer pesquisa com questionários online também são excelentes meios de saber mais sobre o que essas pessoas pensam e querem. Use o Google Formulários ou o SurveyMonkey para fazer uma pesquisa com seus seguidores, sempre incluindo perguntas abertas e evitando o “sim ou não”;
  • Aproveite as métricas que as redes sociais oferecem para coletar dados precisos sobre o comportamento do seu público;
  • Visite blogs e grandes portais que estejam relacionados à sua área de atuação, e veja os comentários que as pessoas estão deixando.

 

Essas dicas simples já vão te mostrar muito do que se passa na cabeça dos seus prospects, e te darão uma ideia de como se comunicar com eles, que linguagem usar, que temas abordar, etc.

Independente de como ocorra essa comunicação, o importante é que a relação entre o público e o seu produto/serviço seja de aceitação. O que você oferece deve fazer sucesso!

 

Resumindo…


 

Cada vez mais as empresas estão se especializando e trabalhando com nichos (segmentos de mercado mais específicos).

Subway, Starbucks, Restaurante D.O.M, Cacau Show, Netflix, e tantas outras empresas, são exemplos que perceberam o potencial de investir em público-alvo segmentado.

Tentar abraçar o mundo não é uma estratégia eficiente, e você precisa aceitar (e aplicar) isso ao seu negócio.

Essas empresas entenderam que trabalhar com um público escolhido facilitava o entendimento de seus desejos, problemas, necessidades, comportamentos, consequentemente facilitando a comunicação de vendas, e aumentando o faturamento.

Através de produtos que atendem (em sua maioria) a um público bem específico, eles sabem que tipos pessoas se encaixam no perfil e se tornarão compradoras, e que tipos de pessoas não darão retorno ao investimento.

Essa especificidade, inclusive, causa certa sensação de exclusividade, o que faz com que essas pessoas (que se sentem parte de um grupo) paguem mais para receber algo que faça sentido para elas.

Logo, essas empresas focam em oferecer seus serviços/produtos da melhor forma possível para atender esse público. Você deve agir da mesma forma!

O que você tem feito para agradar seus clientes e deixá-los satisfeitos? Está fazendo mais que a concorrência? Está focando na experiência do seu consumidor?

Se não tem feito nada disso, então corre que ainda dá tempo! Aproveita que seus concorrentes talvez não saibam dessas informações e saia na frente!

Sugiro que leia o artigo: Efeito Apple: Como transformar clientes em fãs para ampliar o seu conhecimento sobre como agradar seu público-alvo.

E claro: não deixe que tudo isso fique apenas na teoria, coloque em prática!

Se precisar de ajuda para analisar seu público, identificar problemas que estão atrapalhando suas vendas online, e criar campanhas de vendas diárias, basta entrar em contato comigo.

Você pode, inclusive, ganhar uma análise gratuita sobre o seu negócio.

Abraço.

2019-12-16T12:57:04-03:00

About the Author:

Agência de Publicidade, Especializada em Consultoria SEO e Marketing de Conteúdo

Leave A Comment